terça-feira, 6 de abril de 2010

Máscaras

Objeto usado por pessoas falsas, mentirosas, frias e sarcásticas, que com sua ironia consegue 'encantar' aqueles inocentes que os rondam. Segundo o Dicionário Michaelis: más-ca-ra sf Disfarçe, falsa aparência, artefado usado no rosto para disfarçar a pessoa que o põe. E segundo nossos conceitos? Segundo os conceitos de quem faz uso desse 'artefato'? De que serve toda essa falsidade, enganação? E eis a resposta: para criar uma imagem que não conseguirá ser sustentada por muito tempo. Para realmente mentir e enganar pessoas desejadas. O carnaval já passou (e como passou!), hora das máscaras caírem. Hora de tudo se revelar, de tudo mostrar sua genuína origem. Das pessoas saberem quem realmente és. Pois que elas caiam! E que caiam na hora mais inapropriada, que caiam no clímax da enganação e da falsidade.

Um comentário:

Mila Sodré disse...

mascaras , mascaras, mascaras. que elas caiam! ² U_U

Postar um comentário